Fábrica de Heróis
Crie seu personagem

domingo, 5 de junho de 2011

X-Men: First Class - por LPS


Segunda crítica de X-Men: Primeira Classe




Crítica:
*Esta crítica contém alguns spoilers

X-Men: Primeira Classe começa igual a "X-Men 1", na Segunda Guerra Mundial, onde Erik Lehnsherr é separado de seus pais. Passados anos, Erik Lehnsherr vai à procura de vingar a morte de sua mãe, que foi assassinada por Sebastian Shaw. No decorrer do filme, Erik conhece Charles Xavier e vão recrutando mutantes para deter Sebastian Shaw. 


Diferente dos filmes anteriores, onde o personagem principal era o Wolverine, desta vez o foco é em Charles Xavier e Erik Lehnsherr (o foco é mais no Erik do que no Charles). X-Men: Primeira Classe surpreende, surpreende e muito. "Ninguém" colocava fé, também depois de duas bombas seguidas (X-Men - O Confronto Final e X-Men Origens: Wolverine) e dos pôsters e clipes praticamente repetidos, não era de duvidar que viria uma terceira bomba. Mas não foi isso que aconteceu. X-Men: Primeira Classe não é um filme ruim, pelo contrário, é um ótimo filme!


O longa conta com as ótimas atuações dos atores James McAvoy, Michael Fassbender, Jennifer Lawrence e Kevin Bacon. Em X-Men: Primeira Classe, temos a volta de Bryan Singer (X-Men e X-Men 2) no "Universo Cinematográfico dos X-Men", não como diretor, mas sim como um dos roteiristas.




Os mutantes secundários - Destrutor, Fera, Banshee, Darwin, Angel, Azazel, Rainha Branca e Maré Selvagem (que não diz absolutamente nada no filme inteiro) - tem bons e maus momentos.

  • Alguns bons momentos: As lutas do Azazel são íncriveis (são apenas duas, mas são íncriveis); Os voos do Banshee; A transformação de Hank em Fera.
  • Alguns maus momentos: Maré Selvagem, ele realmente é um inútil no filme, ele e Azazel, só aparecem para o filme ter mais efeitos especiais; Angel quando atira bolas de fogo; Rainha Branca poderia ter sido melhor explorada; Darwin, aparece e logo morre, totalmente dispensável.
A melhor cena do filme, sem dúvida, é a morte de Sebastian Shaw.


Como X-Men: Primeira Classe não se trata de um reboot, parece estar nem aí para a cronologia, como por exemplo: o fato de Emma Frost/Rainha Branca ser completamente diferente em relação a Emma de X-Men Origens: Wolverine, o Professor X no final do filme se torna cadeirante sendo que em "X-Men III" (quando ele e Magneto vão conversar com Jean Grey criança) e em X-Men Origens: Wolverine ele ainda não é deficiente.

14Mai2011 46

Para terminar, X-Men: Primeira Classe, com o baixo orçamento tem efeitos especiais não tão bons, mas ótimas atuações, ótima direção, bom roteiro e salvou a franquia X-Men. O filme ainda conta com duas participações especiais.

Trailer:




X-Men: First Class: 4/5 estrelas.

5 comentários :

Samuel disse...

Darwin morrendo?

essa é boa....

fizeram o que com ele, deram veneno?


um cara que consegue se manter vivo até em forma de energia pura, sem corpo físico, não morre assim...

ler x-men em vez de ficar só nos filmes faz bem pra saúde gente...

LPS disse...

Li poucas histórias dos X-Men. Não conhecia Darwin.
Em todos os filmes baseados em heróis, não são totalmente fiéis as HQ's.
Em nenhum momento eu "disse" que Darwin morre nos quadrinhos.

@Samuel pelo visto você não viu o filme. Fiz uma crítica do FILME, e no FILME ele morre.

Samuel disse...

Eu não vi o filme ainda...

mas não estou criticando a sua crítica...

não critico você (desculpa se pareceu)

só fiquei desapontado com o fato de eles derem tão pouca importância a um mutante tão impressionante...


mas eu acho que seria melhor nem colocá-lo no filme se fosse matar assim....a não ser que ele não tenha morrido realmente no filme.

e a frase "ler x-men em vez de ficar só nos filmes faz bem pra saúde gente..." é tipo uma crítica aos autores e diretores dos filmes não a galera que curte (inclusive eu)


é isso então,

valeu =D

LPS disse...

Tranquilo ;)

jqfenix disse...

apos muito tempo kkkk eu vi o filme..e tbm achei um absurdo a forma como darwin morreu...eu tenho uma ediçào recente de x-fator (o grupo no qual ele faz parte) em que ele sofre uma enboscada e cercado por todas os tipos de armas letais conhecidas..o corpo dele quase nao encontrando solução fisica pra tudo aquilo se teleporta pra uma regiao segura...ele ganha novas habilidades pra sobreviver..ele absorveu os poderes de hela deusa da morte da cultura nórdica. E pegou pra si parte da deidade dela. Ganhando os mesmos poderes..sendo mais forte e comandando todo o exercito de guerreiros nordicos mortos fazendo-os se voltarem contra sua mestra...agora me expliquem..(quem puder é claro) como alguem assim pode morrer nas mãos de sebastian shaw..com apenas uma bola de energia cinética?